CARREGANDO

Escreva para pesquisar

Destaques Política

Senado vai debater estratégias contra prejuízos educacionais na pandemia

Redação
Redação fev 16

Sessão Temática no Plenário do Senado vai debater na segunda-feira (21) estratégias para reduzir os prejuízos educacionais provocados pelas aulas virtuais durante parte da pandemia da covid-19. Além dos impactos para a aprendizagem das crianças, especialistas demonstraram, em série de audiências públicas no ano passado, que professores e estudantes também sofreram abalos emocionais.

Na próxima segunda-feira, os senadores vão debater com especialistas em educação estratégias para combater a evasão escolar e outros problemas provocados pelo fechamento das escolas e adoção do ensino a distância durante parte da pandemia da covid-19. Ao destacar depoimentos de especialistas que confirmaram os danos educacionais e emocionais em alunos e professores, o presidente da Subcomissão Temporária para Acompanhamento da Educação na Pandemia, Flávio Arns, do Podemos do Paraná, afirmou que os governos e a sociedade precisam trabalhar juntos para manter as crianças e adolescentes na escola. Temos como norte o ano da busca ativa de crianças e adolescentes para terem acesso à escola e permanecerem na escola, em função do percentual bastante alto de evasão, de abandono da escola de um milhão e pouco de crianças e adolescentes para mais de 5 milhões. Então, teremos uma sessão temática para assim darmos visibilidade ao fato da busca ativa, num esforço articulado com o Governo Federal, os governos estaduais e municipais e a sociedade.

Além da capacitação dos professores, da oferta de alimentos de qualidade e do acolhimento socioemocional, o senador Wellington Fagundes, do PL de Mato Grosso, lembrou a importância de se garantir instalações físicas e equipamentos adequados nas escolas.

“Os problemas que a pandemia causou aos nossos estudantes revelou o quanto precisamos avançar nos projetos de ensino a distância com a preparação das escolas e também dos nossos alunos no combate à evasão escolar, que atingiu valores extremamente preocupantes. Sem dúvida alguma, precisamos recuperar o tempo perdido, e isso implica em firmar a garantia de que não podemos e não vamos deixar um estudante para trás”. A sessão de debates faz parte do plano de recomendações proposto pela Subcomissão Temporária para Acompanhamento da Educação na Pandemia com o objetivo de reduzir os prejuízos para o ensino e os efeitos emocionais na comunidade escolar causados pelas aulas virtuais. Da Rádio Senado,

Raquel Teixeira.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *