CARREGANDO

Escreva para pesquisar

Cidades Destaques Notícias

Juares reúne com vice-prefeito de Primavera do Leste para discutir representatividade do Crea-MT em conselhos municipais

Redação
Redação jan 29

O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT), Eng. civil, Juares Samaniego, reuniu com o vice-prefeito de Primavera do Leste, Ademir Ortiz de Goés, segunda-feira, 24 de janeiro para tratar da representatividade do Crea Mato Grosso em conselhos municipais da cidade.


“ A representação do Conselho no município de Primavera do Leste, por meio dos Conselhos Municipais tem como objetivo propor o fortalecimento da atuação dos profissionais da Engenharia, Agronomia e Geociências na região. Atualmente uma média de 1.800 profissionais das modalidades do Sistema Confea/Crea estão cadastrados na inspetoria de Primavera do Leste”, explanou Juares, destacando que o município é uma região produtora e oferece um “leque” de oportunidades em várias modalidades, seja a Engenharia agronômica, ambiental, agrícola florestal, civil, mecânicos e outras. O município dispõe de cinco conselhos municipais: Desenvolvimento, Educação, Infraestrutura e Logística, Meio Ambiente, e o de Desenvolvimento Rural.
Além do presidente Juares Samaniego fizeram parte do encontro, a conselheira, Eng. civil Marciane Prevedello Curvo, o assessor parlamentar do Crea-MT, João Namir Mendonça, os inspetores chefes do município, Eng. agrônomo Clovis Albuquerque, Eng. mecânico Marcos de Sousa.
Na ocasião, Samaniego e os representantes do Crea-MT também reuniram com o secretário de Desenvolvimento Econômico de Primavera do Leste, Franklin Rohr, propondo a construção da sede própria da inspetoria de Primavera do Leste, com auditório multiuso, comportando um grande número de pessoas.
Na viagem para o município o presidente do Crea-MT e os representantes do Conselho, reuniram com profissionais do Sistema do município, onde discutiram várias demandas e assuntos ligados a Engenharia, Agronomia e as Geociências, traçando metas em prol da defesa da sociedade, no combate ao exercício ilegal da profissão.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *