CARREGANDO

Escreva para pesquisar

Destaques Notícias Política

Governo lança licitação para levar asfalto entre o Pantanal e BR-364

Redação
Redação maio 01

A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT) lançou a licitação para contratar uma empresa para asfaltar um trecho de 34,1 quilômetros da MT-361, ligando o distrito de Porto de Fora, em Santo Antônio de Leverger (27 km ao Sul de Cuuabá), até a BR-070/163/364.

Orçada em R$ 48.237.910,77, a obra será licitada na modalidade de Regime Diferenciado de Contratação, em lote único e com critério de menor preço.

A abertura das propostas está marcada para o dia 18 de maio, às 09h, na sala de licitações da Sinfra-MT.

A pavimentação dessa rodovia vai criar uma nova rota entre o Pantanal de Barão de Melgaço e o distrito de Mimoso, até a rodovia federal.

Além disso, vai beneficiar os moradores das inúmeras comunidades rurais existentes na região.

O asfalto será executado no trecho entre o fim da pavimentação urbana em Porto de Fora, até o entroncamento com a MT-468, na região da Agrovila das Palmeiras.

A Sinfra-MT também vai asfaltar um trecho de 22,8 km entre a Agrovila das Palmeiras e a BR-364, com um investimento de R$ 30,8 milhões. A licitação já foi realizada.

“Com essas obras, a região da Agrovila das Palmeiras e da Vila Caité, que não tinha nenhuma ligação por asfalto com o resto da malha rodoviária, será conectada tanto com a BR-364, quanto com Santo Antônio do Leverger e Barão, deixando de ser uma região isolada”, afirma o Secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira.

O Governo de Mato Grosso também licitou a recuperação da MT-040, entre Barão de Melgaço e Santo Antônio do Leverger, garantindo a trafegabilidade e segurança do trecho de 74 km.

A Sinfra-MT irá investir R$ 34,6 milhões nesta obra. “Esse é o olhar diferenciado que o governador Mauro Mendes tem com a região da planície pantaneira. Estamos melhorando a infraestrutura dessa região tão importante de Mato Grosso”, completou o secretário.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *