CUIABÁ

Carros e Motos

Purosangue: primeiro SUV da Ferrari estreia em setembro

Publicado em

source


Ferrari Purosangue
Divulgação

Ferrari Purosangue

Quando a Porsche ousou ao lançar o seu primeiro SUV Cayenne no final de 2002, todos os puristas quase enfartaram, mas graças a essa ousadia, o modelo juntamente com o Macan , está entre os modelos de maior sucesso da marca alemã.

A sua principal rival como a Ferrari continuou resistente perto de outras empresas que já haviam lançado seus representantes, e só agora, em 2022, a marca confirmou que vai finalmente apresentar o seu primeiro SUV, o Purosangue , em setembro

Segundo a casa de Maranello, o SUV italiano será equipado com motor V12, ou pelas próprias palavras da Ferrari , ‘um modelo V12 puro’, ou seja, então será alimentado por um motor naturalmente aspirado e que deverá entregar mais de 800 cv.

A unidade será construída sobre uma nova plataforma de motor central-dianteiro (a mesma do modelo  Roma ) posicionado atrás das rodas dianteiras. Para uma melhor distribuição de peso, a transmissão de dupla embreagem será instalada na parte traseira.

Ferrari Purosangue
Reprodução

Ferrari Purosangue

Leia Também:  O que está por trás do novo Honda HR-V? Será híbrido? Ouça no podcast

Enquanto o Purosangue representará cerca de 20% de todas as vendas, a série Icona e o novo SUV serão muito mais exclusivos. A Ferrari diz que limitará esses veículos a menos de 5% do total de entregas, enquanto os modelos da Série Especial, como o 812 Competizione / 812 Competizione A , responderão por aproximadamente 10% de todas as vendas.

Até 2026, 60% de todas as variantes da Ferrari terão motorizações híbridas e puramente elétricas, com os 40% restantes representados por carros movidos a combustão interna.

Royce, Aston Martin e Lamborghini na lista de marcas de ponta para ter seus próprios SUVs. A McLaren supostamente seguirá o exemplo até o final da década.

Ferrari Purosangue
Reprodução

Ferrari Purosangue

Apesar de se tratar de um modelo que remete aos SUVs, a  Ferrari foge do termo de Sport Utility Vehicle. Em vez disso, ela classifica o Purosangue como como  ‘FUV’, ou Ferrari Utility Vehicle.

Com a apresentação oficial marcada para acontecer em setembro deste ano, a previsão é de que as primeiras unidades cheguem às lojas somente em 2023, inicialmente nas européias, e depois nos demais mercados.

Leia Também:  Ford apresenta van elétrica de 2.000 cv
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Carros e Motos

Fim de uma era: Dodge aposenta Challenger e Charger a combustão

Published

on


Dodge Charger e Challenger serão aposentados e a marca focará apenas em modelos eletrificados
Reprodução

Dodge Charger e Challenger serão aposentados e a marca focará apenas em modelos eletrificados

“O Dodge Charger e o Dodge Challenger, na forma atual, estão chegando ao fim”, diz o comunicado de imprensa em anexo. “Estamos comemorando o fim de uma era – e o início de um novo e brilhante futuro eletrificado – permanecendo fiéis à nossa marca”, disse Tim Kuniskis, CEO da marca Dodge.

Aos fãs dos icônicos muscle cars norte-americanos só resta se conformar até a Dodge fabricar outros modelos que estarão cada vez mais íntimos na era da eletrificação.   E seus modelos 100% a combustão farão parte de uma era gloriosa para puristas e fãs da marca.

A empresa revelou que vai mostrar um muscle car totalmente elétrico em 2024 e para “servir de consolo” aos puristas ou “reforçar o espírito Dodge”, a empresa vai retornar com o estilo tradicional da grade retangular do Charger de 1968 a 1970 , juntamente com o l ogotipo triangular que estampava os seus carros até o início do anos 80.

Leia Também:  Ferrari irá adaptar fábrica para produzir carros elétricos e híbridos

Desenvolvido para aplicações de seis e oito cilindros com tração traseira ou nas quatro rodas, a plataforma LX serviu de base também ao Demon , um muscle car surgido em 2018 e marcou a era com o Challenger com seus mais de 800 cv de potência e que serviu a frota da polícia local.

A fábrica de Brampton, onde o Challenger e o Charger são fabricados atualmente, “será reequipada e totalmente modernizada” em 2024.

A instalação adotará uma arquitetura de veículo ainda não divulgada que apoiará os planos de eletrificação da Dodge . A produção deve ser retomada até 2025, e até agora não foi revelado quais veículos que serão produzidos na unidade de Brampton.

A plataforma LX é a plataforma automóvel de tração traseira em tamanho real da Chrysler , introduzida em 2004 para o modelo de 2005 e em breve, vai celebrar seu 20º aniversário marcando o fim de mais um capítulo da história da Dodge.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

CIDADES

POLÍTICA MT

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA