CUIABÁ

Carros e Motos

Mercedes roda 1200 km com apenas uma carga em conceito elétrico

Publicado em

source
Guiado por Campeão da Fórmula E, Vision EQXX deu 11 voltas em Silverstone
Divulgação

Guiado por Campeão da Fórmula E, Vision EQXX deu 11 voltas em Silverstone

Enquanto no Brasil a eletrificação da frota ainda é lenta, e passa principalmente por modelos híbridos, as fabricantes na Europa buscam ir mais além e desenvolver tecnologias 100% elétricas.

Com este objetivo, a Mercedes-Benz desenvolve o conceito Vision EQXX , que além de servir como uma demonstração de como a fabricante imagina o futuro, é um laboratório de testes de tecnologia elétrica.

Em abril, o Vision EQXX viajou da Alemanha até o sul da França com apenas uma carga. Rodou 1008 km (626 milhas) e ainda possuía 15% de carga nas baterias.

Dessa vez, a Mercedes levou seu conceito de Stuttgart na Alemanha até Silverstone, na Inglaterra, passando por Untertürkheim, Reims e Calais e Brackley, antes de finalizar a viagem no tradicional circuito inglês. Ao todo, foram 1,202 km (747 milhas) em 14 horas e 30 minutos.

Leia Também:  Pesquisa diz que motoristas de elétricos estão perdendo "ansiedade"

Ao chegar no circuito, Nyck de Vries, campeão da Formula E pela Mercedes, deu 11 voltas com o carro antes das baterias acabarem completamente.

Conjunto de baterias do EQXX foi utilizado ao máximo
Divulgação

Conjunto de baterias do EQXX foi utilizado ao máximo

O Vision EQXX foi projetado pensando em eficiência energética, e esse cuidado é notado principalmente na aerodinâmica do veículo e no sistema de motores, transmissão e baterias, sempre focado na melhor utilização da energia elétrica .

O foco na eficiência e os números de autonomia conquistados são ainda mais impactantes considerando o sistema de baterias do EQXX, que segundo a Mercedes é abaixo dos 100 kWh.

Para efeito de comparação, o Mercedes EQC tem baterias de 80 kWh e uma autonomia de 450 km, enquanto o EQS, carro-chefe elétrico da marca, percorre até 540 km com baterias de 107.8 kWh.

Após as voltas no circuito, o Vision EQXX foi levado até Brixworth, na sede de motores de alto rendimento da Mercedes-AMG, onde passou a noite sendo recarregado, até ser exposto ao público no Festival da Velocidade de Goodwood .

Leia Também:  RJ: Criminosos levaram apenas 4 minutos para abrir cofre de joalheria

A velocidade média da viagem foi de 83 km/h com a máxima de 140 km/h, e segundo a Mercedes-Benz enfrentaram trânsito pesado em Stuttgart e no sul da Inglaterra.

O Vision EQXX é o Mercedes mais eficiente já construído e irá a continuar testando novas tecnologias para serem aplicados em futuros veículos de produção.

Apesar de ainda ser um carro conceito e caso seja produzido pode ter alterações que prejudiquem a aerodinâmica, a velocidade com que a autonomia dos carros se tornam maiores, pode acelerar ainda mais a adoção à mobilidade elétrica .

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Carros e Motos

Nico Rosberg recebe seu carro elétrico de quase 2000 cv

Published

on

Rosberg ao lado do seu Rimac Nevera, capaz  de acelerar de 0 a 100 km/h em 2 s e atingir 412 km/h
Reprodução/Instagram

Rosberg ao lado do seu Rimac Nevera, capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 2 s e atingir 412 km/h

Após sair da Fórmula 1 com o título da temporada 2016, Nico Rosberg se tornou defensor da mobilidade elétrica e investidor no setor, principalmente em competições.

Agora, o ex-campeão de F1 foi até a Croácia onde pôde receber o primeiro Rimac Nevera já produzido, e aproveitou para fazer um test-drive ao lado do fundador da fabricante, Mate Rimac.

O Nevera terá a produção limitada a 150 unidades, e com o preço na casa dos US$ 2.5 milhões (US$ 12,8 milhões), o de Rosberg conta com a assinatura do ex-piloto.

O novo hipercarro de Rosberg é equipado com um pacote de baterias de 120 kWh que entrega energia para quatro motores elétricos, posicionados em cada roda.

Leia Também:  Save the Wagons: BMW M3 ganha versão Touring pela primeira vez

Somados, os motores entregam 1913 cv de potência e 240,65 kgfm de torque entregues de forma instantânea. O hipercarro croata é capaz atingir os 100 km/h em cerca de 2 segundos e a velocidade máxima é de 412 km/h.

O primeiro contato de Rosberg com sua nova aquisição foi com Mate Rimac no banco do passageiro, e não exploraram apenas a aceleração do modelo, e foram até estradas sinuosas da Croácia testar as capacidades de direção do carro.

Embora seja um carro pesado, de 2.150 kg, o Nevera impressiona Rosberg com o alto nível de aderência que o modelo apresenta ao fazer curvas.

O ex-campeão ainda aproveitou para brincar com o fundador da empresa, ao acionar o querer fazer drift em uma curva, e o executivo respondeu de forma assustada: “Claro, contanto que eu não esteja no carro. Você tem que se acostumar primeiro”.

Rosberg filmou seu contato com seu novo carro e o vídeo está disponível em inglês no canal do ex-piloto alemão no Youtube.

Leia Também:  Ford Maverick ganha versão mais valente para o off-road, nos EUA

Durante o vídeo, Rimac explica um artifício interessante do sistema de freio do Nevera. Quando o modelo é conduzido no “Modo Pista”, os sistemas do carro monitoram a temperatura dos freios regenerativos e dos freios mecânicos.

Dependendo da temperatura das baterias, o nível de regeneração é ajustado para priorizar o freio mecânico, ou caso os discos e pastilhas de freio esquentem, o freio regenerativo será usado com maior frequência.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

CIDADES

POLÍTICA MT

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA